Qualidade internacional comprovada e preço direto da fábrica.

Fale conosco Fale Conosco
keyboard_arrow_left
icon frete grátis
FRETE GRÁTIS Clique aqui
icon boleto
10% Off no Boleto
icon cifrão cashback
CASHBACK G PONTOS
icon chat nutricionista
Nutricionista Online Clique aqui

DIETA HIPERCALÓRICA: GANHE PESO E MASSA MUSCULAR

A dieta hipercalórica é um dos temas mais discutidos entre os adeptos do universo fitness. Muitas pessoas buscam informações sobre o assunto, especialmente aquelas que praticam musculação e almejam a hipertrofia.

Essa forma de dieta é a melhor opção para quem deseja ganhar massa muscular, além de ser fundamental para a realização do bulking. No entanto, apesar de o Brasil ser um dos países com maior mercado para o mundo fitness e estar entre os locais com mais academias e praticantes de musculação em todo o planeta, ainda existem muitas dúvidas a respeito do que é e de como fazer uma dieta hipercalórica corretamente.

O QUE É DIETA HIPERCALÓRICA?

O QUE É DIETA HIPERCALÓRICA?

O conceito da dieta hipercalórica é bastante simples: trata-se de praticar uma alimentação em que o saldo calórico é maior do que o de uma dieta habitual, de modo que o ganho de massa muscular seja potencializado com eficácia.

A dieta para ganhar massa muscular deve ser balanceada, respeitando a importância e a necessidade do corpo com relação a proteínas, lipídios, carboidratos e, claro, vitaminas, minerais e demais nutrientes.

Bulking

Bulking

O ganho muscular não está associado apenas à alimentação. Por isso, muitas pessoas que pensam em realizar uma dieta para ganhar massa recorrem ao bulking. Ele consiste na prática de uma dieta hipercalórica aliada a treinos físicos específicos e também com a atenção redobrada ao sono. Isso porque é durante o período de descanso que ocorre a regeneração dos tecidos musculares e a liberação de hormônios importantes para o desenvolvimento dos músculos, como o GH (abreviação do inglês Growth Hormone).

Ainda que você faça o que é chamado de bulking limpo, ou seja, uma dieta hipercalórica composta por alimentos saudáveis, o ganho de gordura corporal sempre ocorrerá. Por isso mesmo, após o bulking, é comum que os atletas realizem o cutting, uma fase em que, depois do ganho de massa muscular, o objetivo é eliminar a gordura acumulada para “definir” a musculatura.

DIETA HIPERCALÓRICA: A IMPORT NCIA DO ACOMPANHAMENTO NUTRICIONAL

DIETA HIPERCALÓRICA: A IMPORT NCIA DO ACOMPANHAMENTO NUTRICIONAL

Quando se realiza uma dieta, a expectativa é obter resultados duradouros. O efeito sanfona, ou seja, perder e ganhar peso rapidamente, ou o inverso, é uma das maiores frustrações de quem realiza dietas hipercalóricas ou dietas hipocalóricas.

A melhor forma de fazer uma dieta é buscar o acompanhamento de um nutricionista. Esse profissional irá fazer uma avaliação específica de suas condições, para desenvolver um cardápio que possibilite não só o ganho de massa muscular, mas também a absorção dos nutrientes fundamentais para uma vida saudável.

O acompanhamento nutricional também pode facilitar a prática da dieta hipercalórica. Isso porque o cardápio desenvolvido por um nutricionista leva em consideração não só as suas necessidades, mas seus gostos, hábitos e rotina. Assim, fica muito mais simples seguir com a dieta até a conquista de seus objetivos.

A FORMA ERRADA DE SE FAZER DIETA HIPERCALÓRICA

A FORMA ERRADA DE SE FAZER DIETA HIPERCALÓRICA

A dieta hipercalórica não deve ser confundida com uma dieta em que se pode comer grandes quantidades de todo e qualquer alimento. Trata-se de ganhar peso e massa muscular com qualidade e saúde.

Por isso, a vantagem de fazer essa dieta de maneira saudável é ganhar mais massa muscular e menos gordura do que quando comparada a uma dieta hipercalórica sem restrições. Além disso, mantendo hábitos alimentares saudáveis, você garante a absorção dos nutrientes com vitaminas e minerais necessários para a sua saúde.

Realizar uma dieta hipercalórica sem restrições pode ser realmente tentador. Comer tudo o que desejar é, sim, algo prazeroso, mas prejudicial para seus objetivos. Quanto mais irrestrita sua dieta for, maior o ganho de gordura corporal durante a dieta hipercalórica, o que representa algo negativo, haja vista que o processo de aumento de peso deve ser feito com ganho de massa muscular.

Proteínas

MELHORES ALIMENTOS PARA DIETA HIPERCALÓRICA

Se o seu objetivo é aumentar a massa muscular, você deve priorizar três tipos de macronutrientes: carboidratos complexos, proteínas com alto valor biológico e lipídios “bons”. Em outras palavras, os alimentos da sua dieta devem ser alimentos que engordam, mas de maneira saudável.

Carboidratos

Carboidratos

Enquanto o carboidrato é visto como vilão em diversos tipos de dietas para emagrecer, na dieta hipercalórica ele é fundamental. Esse macronutriente atua como fonte primária de energia para o nosso corpo sobreviver.

No entanto, não é qualquer tipo de carboidrato que deve ser consumido. Os carboidratos de baixo índice glicêmicos devem ser priorizados, pois possuem absorção mais lenta no organismo, evitando picos de glicose e prolongando a sensação de saciedade.

Você pode encontrar bons carboidratos na batata-doce, mandioca, aveia e germe de trigo. Alimentos à base de farinha devem ser sempre os de versão integral, seja macarrão, pão ou arroz, por exemplo.

Proteínas

Proteínas

As proteínas são fundamentais para o desenvolvimento dos músculos, por meio dos aminoácidos. Como citado, as de alto valor biológico são as mais indicadas, especialmente pelo fato de conterem aminoácidos essenciais – aqueles que o corpo humano não é capaz de sintetizar.

As proteínas de alto valor biológico são bastante simples de serem encontradas: ovos, cortes magros de carne vermelha, frango, peixe e laticínios contam com grandes quantidades deste nutriente.

Lipídios

Também servem como fonte de energia, além de atuar na produção do hormônio testosterona. Você pode consumi-los em alimentos como abacate, azeite de oliva, oleaginosas e peixes.

DIETA HIPERCALÓRICA: SUPLEMENTOS PARA GANHO DE MASSA

DIETA HIPERCALÓRICA: SUPLEMENTOS PARA GANHO DE MASSA

Em uma dieta hipercalórica, alguns suplementos podem otimizar o ganho de massa muscular ao complementar a alimentação. No entanto, a recomendação é de que seu uso seja conciliado com atividades físicas regulares.

Hipercalórico

O hipercalórico costuma ser utilizado por atletas de alto nível e pessoas que possuem mais dificuldade para engordar. Ele combina carboidratos e proteínas, para auxiliar no aumento da massa magra. Esse suplemento também ajuda na hipertrofia dos músculos e no ganho de energia.

Whey protein

Whey protein

Um clássico das dietas hipercalóricas, o whey protein é uma fonte de proteínas muito rica. Seu uso deve ser combinado com o horário de treinamento, ou de acordo com a oferta de proteínas ao longo do dia, sendo indicada a ingestão do suplemento logo após os exercícios físicos.

Creatina

Ela é capaz de aumentar a quantidade de energia produzida para as células, fazendo com que o desempenho físico também renda mais. É ideal para quem deseja conciliar a dieta para ganhar massa muscular com os treinos.

BCAA

BCAA

O BCAA um suplemento de três aminoácidos: leucina, isoleucina e valina. Ele ajuda na recuperação dos músculos, além de reduzir a fadiga. Também é indicado para quem une dieta e exercícios físicos.

SUPLEMENTOS PARA DIETA HIPERCALÓRICA NA GROWTH SUPPLEMENTS

SUPLEMENTOS PARA DIETA HIPERCALÓRICA NA GROWTH SUPPLEMENTS

Além de muita informação, você também pode contar com os suplementos da Growth Supplements para aprimorar os resultados da sua dieta hipercalórica. Confira também nossas outras opções de suplementos para diversas dietas, como cafeína e chá-verde instantâneo.

REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA

Junior, V. D. A. S., da Silva, L. A. R., Rafaine, R. P., & Lollo, P. C. B. Whey Protein: suplementação e suas implicações no desempenho físico.

1 resultados