Para que serve Arginina

A arginina é um aminoácido condicionalmente essencial produzido no organismo, porém em quantidade insuficiente para atender todas as necessidades, pois este aminoácido participa de uma grande quantidade de sistemas, ciclos, interações bioquímicas. Haja vista a sua importância este aminoácido é vendido separadamente e também como parte de uma grande quantidade de suplementos.

Uma das condições aonde a produção de arginina endógena não atende a demanda do metabolismo são as fases aonde o individuo esta em treinamento intenso. O consumo diário de arginina melhora o desempenho físico por reduzir a fadiga muscular, reduz a fadiga por estar associada à vasodilatação promovida pelo óxido nítrico que é formado a partir da L-arginina. Consumo de arginina resulta em vasodilatação, por sua vez esta condição resulta em aumento da oferta de nutrientes ao tecido muscular e maior oferta de glicose pelos músculos durante atividade física. A melhora no abastecimento nutricional do tecido muscular contribui para melhor qualidade do treinamento, que por sua vez resulta em aumento de massa muscular e força contrátil. Bem documentado na literatura, também, é o efeito estimulante da secreção de GH induzido pelos aminoácidos. A arginina é o aminoácido estimulante mais potente, no qual sua administração oral pode provocar potente estímulo sobre a secreção de GH.

De uma forma geral podemos afirmar que Arginina proporciona:


- Melhora na secreção de gH.
- Melhora a vasodilatação.
- Melhora a perfusão muscular.
- Reduz o aparecimento da fadiga precoce.
- Aumento de massa muscular.
- Aumento de força.

Material elaborado por Diogo Círico, nutricionista esportivo Growth Supplements.

Saiba como tomar